CriandoBits
Identifique-se Entrar Esqueceu a senha? Esqueci minha senha

Redes - Zenoss

Por Benedito Silva Júnior - publicado em 25/07/2016


Para o administrador de redes é fundamental ter em mãos ferramentas que o auxiliem no monitoramento dos componentes de sua infra-estrutura. Com base em relatórios e/ou alertas administrativos, o administrador poderá prever futuras situações aonde seja necessária a sua intervenção.

Seja para uma correção de configuração incorreta ou até mesmo a substituição de algum dispositivo em mau funcionamento. O Zenoss é uma ferramenta criada com o propósito de ajudar ao administrador a ter um controle efetivo sobre sua rede.

O Zenoss possui uma arquitetura modular, facilitando assim a incorporação de novas funcionalidades à ferramenta. Sendo capaz de monitorar vários tipos de dispositivos como, computadores Linux, Windows, switches e roteadores. Ele tem uma interface web e faz uso do gerenciador de banco de dados MySQL para armazenar suas informações.

Zenoss
Interface

O Zenoss oferece poderosos recursos de monitoramento de rede que são imprescindíveis para o trabalho de um administrador de redes. Por fornecer acesso via web à sua interface de monitoramento, ele possibilita com isso o acesso a partir de qualquer plataforma de sistema, desde que acessado por um browser compatível.

O Zenoss é distribuído sobre dois formados de licenciamento, seus dois modelos comercializados são: o Core e Enterprise, sendo a Core sua versão free software e comunitária e a versão Enterprise que conta com um contrato de suporte e algumas configurações já prontas para uso.

Outro trabalho facilitado pelo Zenoss é o monitoramento de mudanças que aconteçam nos dispositivos, seja por software ou de hardware. O seu sistema de tratamento de logs e alertas são bem sofisticados, fornecendo informações detalhadas para o tratamento destes eventos. Fornece também o envio de alertas através de e-mail ou SMS, o que torna o trabalho de monitoração menos árduo.

Página oficial: www.zenoss.com/


 
Voltar a pagina anteriorVoltarSubir ao topo da páginaTopo